A união de música e propaganda que virou um hit: Vacina Butantan

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Usar a música como forma de propagar uma ideia ou produto tem um poder emocional e mexe com o inconsciente das pessoas. Já parou para pensar nas músicas das propagandas que ficam na sua cabeça? Mesmo que você não queira gravar a música, ela  ica no seu inconsciente e quando ver o produto, logo lembrará da “musiquinha”..

Eu escolhi um caso recente, enquanto escrevia esse texto, para poder compartilhar com vocês. Ouço funk e aproveito para falar da música remixada em pró da vacinação do Covid-19.  

Como tudo começou? 

No dia 08 de janeiro de 2021 o Instituto Butantan entrou com pedido para uso emergencial da vacina Coronavac. A partir disso os brasileiros resgataram a música “Bum Bum Tam Tam” e usaram trechos em posts, o que levou a viralização nas redes sociais. 

Aproveitando a repercussão nas mídias, como chegar  no Trend Topics do Twitter, o funkeiro soltou um trecho modificado da música em seus stories como forma de sugerir uma nova versão e ver se os seguidores aprovavam.  

É a vacina envolvente que mexe com a mente/ De quem tá presente/ A vacina é saliente/ Vai curar ‘nóis’ do vírus e salvar muita gente.”

O Mc afirmou que já estava estudando a possibilidade, junto de seus empresários, de fazer esse mix. Até que no dia 15 de janeiro, o Mc Fioti foi ao Instituto e fez a gravação do seu novo clipe, remixando a música “Bum bum tan tan” já conhecida por muitos brasileiros.

Luz, câmera e ação! 


O novo clipe é uma continuação do vídeo original, no qual tinham ficado 2 pedidos em aberto para o gênio. A gravação foi realizada dentro do Instituto Butantan, algumas cenas o Mc aparecia sozinha e outras com os funcionários, em coreografia coletiva,  dançando o novo hit. 

No dia 23 de janeiro, às 12h, foi lançado no Youtube e em menos de 10 horas conquistou mais de 1 milhão de visualizações e chegou em #1 nos vídeos em alta da plataforma.  

Ainda não assistiu? Aperta o play!

Música + propaganda = conscientização 

A música, nesse caso, não foi usada como forma publicitária, pois não vende um produto, mas transmite uma mensagem muito importante. 

Milhares de pessoas possuem resistência quanto ao estilo musical funk, pois acreditam que todas as letras possuem  “baixaria”, mas não posso negar que algumas usam palavras de baixo escalão e desmoralizam as mulheres.

Entretanto, outras diversas letras possuem uma vertente diferente, descrevem a realidade de quem mora em regiões mais periféricas, conta o dia a dia  e evidencia toda a luta pelo reconhecimento e crescimento.

O funk “Vacina Butantan” tem o objetivo de conscientizar as pessoas a tomarem a vacina e conseguiu transmitir a mensagem de uma forma leve e divertida. O vídeo ganha ainda mais credibilidade pelo fato das cenas serem gravadas no Instituto Butantan e ter o apoio do mesmo até mesmo do, governador do estado de São Paulo, João Dório. 

Através do funk é possível levar a mensagem de forma positiva e verdadeira para as comunidades mais periféricas, algumas que não tem acesso a informação de qualidade e é envolta por muitas fake news.

É o funk fazendo história junto da ciência!

Se vacina aí, pô!

PS: Lembrando que a vacina deve ser aplicada no braço! rsrsrs

Obrigada pela leitura e até a próxima publicação <3

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Brunella Rizo

Brunella Rizo

Capixaba, publicitária e pós-graduanda em Comunicação e Marketing Digital. Tenho experiência na área de atendimento, planejamento, execução de eventos e gerenciamento de mídias sociais. Atualmente, sou coordenadora da equipe de atendimento publicitário na agência Resultate.

Deixe seu Comentário!

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
intagram reels banner lateral design com cafe

Anúncio

escolhas do editor

MAIS LIDAS

MAIS RECENTES

ARTIGOS RELACIONADOS

0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x